Blog Sacratour

4003-6134 ou pelo whats app! [email protected]

Generic selectors
Apenas correspondências exatas
Pesquisar por Título
Pesquisar por Conteúdo
Pesquisar nas postagens
Pesquisar nas paginas
Menu
SacraTour

Turismo Religioso

Os caminhos de Santo Antônio

De Dentro Geral Em 11/06/2021


Santo Antônio é muito popular em todo o mundo. Até mesmo em vida, ele já era considerado um santo muito adorado. Aqui, no Brasil, ele é um dos santo com mais devotos, podemos ver isso pela inúmeras igrejas que levam o seu nome.

Além disso, Santo Antônio é padroeiro ou titular de cinco arquidioceses e dez dioceses e podemos encontrar mais de 24 catedrais que o tem como padroeiro. O brasileiro tem mesmo muito carinho por Santo Antônio. Por isso, hoje vamos saber um pouco mais sobre Santo Antônio.

Santo Antônio: o santo casamenteiro

Se você tivesse que pedir a intercessão de algum santo para pedir um casamento, para qual santo seria? Provavelmente você pensou em Santo Antônio, não é mesmo? E isso porque o Santo tem fama de casamenteiro há séculos. Acredita-se que mesmo em vida Santo Antônio ajudou muitos amores verdadeiros a se unirem.

O Brasil é um país tão devoto a Santo Antônio que o elegeu para ser o padroeiros dos apaixonados. Ou seja, ao contrário de boa parte do mundo, que comemora o dia dos namorados no dia de São Valentim, nós comemoramos a data na véspera do dia de Santo Antônio, 13 de junho, e não no dia 14 de fevereiro como os outros países.

Embora não se tenha uma unanimidade a respeito da fama de casamenteiro de Santo Antônio, é fato que ele pregava sobre a importância do amor em seus sermões.

E isso acontecia em uma época em que estimular o casamento pelo amor era quase uma afronta, pois os casamentos eram vistos como negociações e não atos de amor. Para entendermos mais sobre as ideias de Santo Antônio é importante que saibamos sua história.

A vida de Santo Antônio

Ele nasceu como nome de Fernando de Bulhões em Lisboa, Portugal, em 1195. Veio de uma família abastada e muito religiosa. Desde pequeno Fernando preferiu seguir a vocação religiosa e, acima de tudo, dedicou sua vida à Igreja Católica.

Imagem de Santo Antônio
Imagem de Santo Antônio

Por volta dos sete anos começou a frequentar, como aluno externo, a escola da catedral. Foi nesta escola que começou a esboçar sua vocação religiosa.

Logo depois, Fernando entrou para o mosteiro Agostiniano de Santa Cruz, onde recebeu uma completa formação religiosa e teológica, graças à sua piedade, disciplina e aplicação aos estudos, como também pela sua inteligência aguçada e memória tenaz.

Quando Fernando passa a ser Antônio

Conhecendo a Ordem Franciscana que defendia a extrema simplicidade e desapego, Fernando sente-se chamado e em 1220 foi ordenado sacerdote. Ele já sentia o desígnio de martírio e isso fez com que ele deixasse o mosteiro e entrasse para Ordem Franciscana, mudando seu nome de Fernando para Antônio, em 1221. Tempos depois, foi transferido para Bolonha e em seguida para Pádua, onde morreu no dia 13 de junho de 1231.

Igreja dedicada a Santo Antônio- Lisboa, Portugal.
Igreja dedicada a Santo Antônio- Lisboa, Portugal.

O conhecimento de Santo Antônio

Conta-se que além de poliglota, Santo Antônio também era extremamente culto e excelente em oratória. Mas ao contrário do que muitos fariam, ele não fazia disso um trunfo, ou autopropaganda. Ao invés disso, Santo Antônio sempre fazia seu trabalho de forma resignada e quieta.

A sabedoria de Santo Antônio

Dizem que os superiores do mosteiro só ficaram sabendo dos vastos conhecimentos de Santo Antônio quando um dia pediram-no para que substituísse um padre que estava doente em seu sermão.

Foi então uma surpresa para todos, já que Santo Antônio apresentou não apenas habilidade com as palavras, mas um enorme conhecimento da Bíblia e História.

Santo Antônio, o Doutor Evangélico

Santo Antônio tinha grande cultura documentada pela coletânea de sermões escritos que deixou, em que fica evidente que estava familiarizado tanto com a literatura religiosa como com as ciências profanas, referenciando-se inclusive a diversos escritos dos filósofos.

Por conta do seu grande saber tornou-o uma das mais respeitadas figuras da Igreja Católica do seu tempo. Ele lecionou em universidades italianas e francesas. Sua língua, que tanto pregara a palavra divina, foi preservada da corrupção e até hoje é venerada num relicário na Basílica que leva o seu nome, em Pádua. Então ganhou o título de  “Doutor Evangélico”.

Igreja dedicada a Santo Antônio- Lisboa, Portugal
Igreja dedicada a Santo Antônio- Lisboa, Portugal.

“O Santo do mundo inteiro”

O Papa Leão XIII o chamou “o santo do mundo inteiro”, porque sua imagem e devoção encontram-se por toda parte. Também é conhecido como Santo Antônio de Pádua, por ter vivido nessa cidade italiana. É um dos santos mais populares em todo o mundo. Entre os contemporâneos e nas gerações seguintes, Antônio foi tido com um mestre de sabedoria cristã, biblista, e autor de obras importantes.

Onde encontramos Santo Antônio hoje?

Igreja dedicada a Santo Antônio - Pádua, Itália.
Igreja dedicada a Santo Antônio – Pádua, Itália.

Milhares de peregrinos e devotos de todas as partes do mundo visitam Pádua, na Itália, onde podem encontram os restos mortais de Santo Antônio. A emoção de estar de alguma forma mais próximo de Santo Antônio é um ato indescritível e que envolve muita fé. Afinal, ele é um dos santos mais amados e venerados pelo cristianismo.

Peregrinando pelos Caminhos de Santo Antônio

Em nossas peregrinações você pode  fazer parte de um roteiro que contempla diversas basílicas como também vida dos principais santos católicos. Isso quer dizer que você poderá visitar a Basílica de Santo Antônio, em Pádua, na Itália, por exemplo. E entrando na Basílica, você poderá fazer um breve caminho espiritual.

Imagine a emoção de entrar em um lugar santificado pela presença de Santo Antônio. É um lugar cheio de significado para a nossa fé, você pode encontrar a misericórdia de Deus e experimentar a poderosa intercessão de Santo Antônio, para depois partir cheio de alegria e paz. Na entrada você já encontra a Água Benta, com a qual se pode traçar o Sinal da Cruz como um desejo de renascer. A seguir, temos uma pintura chamada Nossa Senhora da Pilastra, que juntamente, com o Menino Jesus, acolhe com o olhar o peregrino que chega.

O encontro com Santo Antônio

Seguindo o caminho da Basílica, o próximo passo é o encontro com o Santo. Aproxime-se do Túmulo de Santo Antônio em oração silenciosa. Ele convida você a permanecer sob a sua proteção. Logo depois, saindo você pode passar pela Capela das Relíquias de Santo Antônio, que são sinais concretos da aproximação que cada um de nós quer ter com o Santo. Há também a Capela das Relíquias, se dirija à Capela das Bênçãos. A benção exprime o sentido da oração cristã. É o encontro entre Deus e o homem, por isso, caminhe mais um pouco e entre na Capela do Santíssimo para adorar e agradecer.

 O legado eterno de Santo Antônio

Santo Antônio colocou sua vida ao serviço de Deus. Por sua própria iniciativa pediu para ir ao Marrocos para que pudesse evangelizar, em seu retorno pode conhecer São Francisco de Assis.

Santo Antônio é padroeiro da cidade de Lisboa e de Pádua, cidades que estão ligadas à sua história. Em Lisboa, Portugal, podemos ver grandes peregrinações para visitas as relíquias de Santo Antônio.

Igreja dedicada a Santo Antônio- Lisboa, Portugal.

Além disso, ele também é conhecido como o Santo dos Pobres, pois dedicava-se aos seus irmãos com verdadeiros valores cristãos. Sua humildade e simplicidade o fizeram muito popular já em vida.

Assim como hoje, as pessoas viam em Santo Antônio uma figura de bondade e exemplo vivo dos ideais cristãos. Ele nos deixa um grande legado que tem grande abrangência, Santo Antônio abençoa desde os apaixonados aos mais necessitados. Por isso, pedimos sua intercessão.

 Oração a Santo Antônio

“Ó Santo Antônio, o mais gentil dos santos, teu amor a Deus e tua caridade com Suas criaturas, fizeram com que foste digno de possuir poderes miraculosos. Motivada(o) por este pensamento, peço-te que( pedido) . Ó gentil e amoroso Santo Antônio, cujo coração estava sempre cheio de simpatia humana, sussurra minha súplica aos ouvidos do doce Menino Jesus, que adorava estar em teus braços. A gratidão do meu coração será sempre tua. Amém.”

Compartilhe!

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.