Blog Sacratour

4003-6134 ou pelo whats app! [email protected]

Generic selectors
Apenas correspondências exatas
Pesquisar por Título
Pesquisar por Conteúdo
Pesquisar nas postagens
Pesquisar nas paginas
Menu
SacraTour

Turismo Religioso

Julho e o Preciosíssimo Sangue de Jesus

De Dentro Geral Em 09/07/2018


O mês que é dedicado ao precioso sangue de Jesus nos convida a conhecer a Basílica do Sangue Sagrado, que fica em Bruges – na Bélgica.


 

“Contudo um dos soldados lhe furou o lado com uma lança, e logo saiu sangue e água” (João 19,34).


 

Esta é a única referência que nos dá o Evangelho sobre o sangue e a água que saíram do lado de Cristo pelo efeito da ferida provocada pela lança do soldado Longuinho, o centurião romano. Na tradição hebraica, para aqueles que morriam de morte violenta, o sangue devia ser conservado e enterrado junto ao corpo, como qualquer outro tecido ou objeto manchado de sangue. Porém, se sobrepõem as versões (entre apócrifos e lendas) de como e quem recolhia esse sangue e que coisa sucedia depois. Uma tradição afirma que foram a Virgem Maria e São João a recolher o precioso líquido em uma ampola, e uma outra diz que foi José de Arimatéia, aquele que emprestou o sepulcro para Jesus.


 

Essa relíquia do Santo Sangue de Bruges, na Bélgica, encontra-se guardada na capela e Basílica do Santo Sangue. Todas as sextas-feiras a relíquia é exposta para veneração e de 3 a 17 de maio de todos os anos, ela fica exposta todos os dias. Se trata de um pequeno pedaço de pano, que supostamente tenha sido usado por José de Arimatéia, para lavar o corpo de Jesus, e que ficou manchado com o seu sangue. Ele está dentro de uma ampola de cristal de rocha do século XI-XII, um antigo recipiente para perfumes de origem bizantina. Essa ampola, por sua vez, é protegida por um relicário cilíndrico de vidro fechado nas extremidades por dois frisos em forma de coroa, com uma data gravada: “MCCCLXXVIII die III maií”, ou seja, 3 de maio de 1388.


 

O relicário do Santo Sangue e a procissão

O relicário está guardado em uma espécie de tabernáculo de prata, e em todos os anos, no dia da Ascenção, é levado em procissão. Essa procissão foi instituída no século XIV e nela participam cerca de 2000 pessoas, recriando a chegada da relíquia na cidade, e para tal, os participantes usam trajes históricos da época para lembrar a chegada da relíquia na cidade. Nessa ocasião também se representam cenas da bíblia e da vida de Jesus, e também participam corais, grupos de danças e desfile de carroças e animais, como camelos e cabras. Esse evento em 2009 foi declarado pela Unesco Patrimônio Imaterial da Humanidade.


 

Espiritualidade e magia

Bruges, na Bélgica, é possivelmente, uma das mais maravilhosas cidades europeias. Um dos lugares que muito surpreende é a Basílica do Santo Sangue. Ela se encontra na Praça de Burg, e por trás de uma pequena fachada decorada com esculturas douradas de cavaleiros cruzados, se encontram duas capelas, nas quais estão guardadas as relíquias que contém o Santo Sangue de Cristo. Para o peregrino crente ou não, a magia e a espiritualidade que se desprendem do lugar, é inegável, e sua beleza arquitetônica se funde com esse ambiente de quietude. A capela inferior, é dedicada a São Basílio, e é a única igreja românica de Flandes Ocidental. A simplicidade do santo lugar, o silêncio, seus arcos interiores, a presença simbólica do Pelicano e a tênue luz alaranjada, nos submerge em um ambiente sem filtros. A capela data da primeira metade do século XII e foi construída por Diederik, o conde de Alsacia (1128-1168). A capela superior, coberta por murais e aberta ao exterior por vitrais, inclui um telão ao fundo do altar com cores brilhantes, que representa a Trindade e cenas relativas à relíquia do Santo Sangue. Esta capela do século XV foi remodelada em estilo neogótico no século XIX. A Santa Igreja colocou a celebração do Santo Sangue para o dia 1 de julho.


 

O museu

No museu da basílica é possível encontrar numerosos objetos ligados à relíquia e sua história: a teca de ouro e jóias, medalhões entalhados em madeira de Quércia, representando cenas da vida de Cristo.


 
Fonte:

 



Vamos juntos para a Terra Santa?


Nós temos condições especiais pra você, entre em contato com a gente: [email protected] ou pelo whats app!

Compartilhe!

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.